25
Jan

Não apresse o rio, ele corre sozinho

 

 
Correria, energéticos, alta velocidade e workaholics são palavras deste nosso tempo. Estamos todos apostando corrida pra ver que chega mais rápido. Onde mesmo?
 
Internet mais rápida, TV que responde comandos em milésimos de segundos, prazos curtos e atenção constante parecem ter deixado mais lento o tempo do relógio. O coitado do calendário então? Foi promovido a "cronograma" e se transformou em instrumento de tortura, gerando angústia e incerteza em muitos de nós. 
 
 
Por que será que nossa geração escolheu viver em guerra permanente com o tempo?
 
Os que cobram pressa são os ESTRESSADOS

Os que se cobram por ir mais rápido são os ANSIOSOS
Os que desistiram e se arrastam são os DEPRIMIDOS
Os que correm na frente do tempo são os COMPULSIVOS

É, meus queridos, as nossas doenças atuais têm muito a ver com o nosso problema de Ritmo.
A Wiki me contou que "Ritmo" vem do grego Rhytmos e designa aquilo que flui, que se move, movimento regulado. Trata-se daquilo que se repete em ciclos.

Um olhar mais profundo e contemplativo sobre a natureza nos mostra que é a vida na Terra e a vida do Homem pulsam em inúmeros e diferentes processos rítmicos, ou seja, tudo o que é vivo se movimenta em CICLOS.

ciclo

 

 

Respiração: inspira, expira... inspira, expira... inspira, expira...
Batidas do Coração: expande, contrai...expande, contrai...
Hora: vai de 1 a 60 minutos e depois começa de novo
Dia: alterna horas de Sol com horas de Lua... de Sol, de Lua...
Semana: segunda, terça, quarta, quinta, sexta, sábado, domingo... segunda, terça...
Fases da Lua: nova, crescente, cheia, minguante...nova
Mês: janeiro, fevereiro, março...
Estações do ano: Primavera, Verão, Outono, Inverno..
A cada 3 anos tem um "ano bissexto"...

E por aí a fora. Poderia seguir a lista até os ciclos dos planetas longínquos em torno do Sol...e mais além. Está tudo acontecendo aqui, agora, no SEU TEMPO.

Diante disso tudo me sinto UMA TOLA quando me pego agindo com pressa sem necessidade, querendo que o dia tenha 26 horas, desapontada com uma noite sem Luar, xingando o calor e desejando o frio, depois xingando o frio e desejando o calor...Como somos descontentes e contrariados, nós, humanos  modernos!
 
É animador quando a lucidez retorna e consigo me abrir para ACEITAR O CONVITE DA VIDA em cada momento.
 
No Verão desabrochar
Na Lua Minguante me livrar do excesso, do lixo e do que me faz mal
Na segunda-feira fazer um bom prato de arroz integral
(segunda é "lunes", dia da lua, e o cereal que se harmoniza com ela é o arroz) 
Em dia de chuva ficar mais recolhida, mais quietinha
Quando a noite cai e corpo pede descanso, escutar seu pedido e adormecer
Correr na hora de correr
Parar na hora de parar!

 

Ao contrário do que muita gente pensa, não precisamos de MAIS tempo, precisamos sim APRENDER A VIVER NO TEMPO.

 

 

Façamos as pazes com Chronos, o grande Senhor do Tempo. Fluir no ritmo natural da vida e respeitando o tempo das coisas é um grande exercício de harmonia e bem estar.

Como nos ensinou Barry Stevens em seu belíssimo livro:
"Não apresse o rio, ele corre sozinho".