27
Abr

O veneno das expectativas

Acompanhe a sequência:Altas Expectativas Decepções Frustração RaivaTristezaDesesperançaNovas Expectativas...Alguém aí experimentou a amarga sensação de rodopiar neste círculo vicioso?Esperar e se frustrar comigo, com os outros, com as coisas...Na mitologia grega os centauros aparecem como uma figura a nos auxiliar na compreensão deste mecanismo. Metade homem, metade animal, eles eram intensos, impulsivos e luxuriosos. Adoravam emoções fortes, festas e ninfas. Um dos seus passatempos prediletos era sair em bando com seus arcos atirando flexas…
25
Jan

Não apresse o rio, ele corre sozinho

    Correria, energéticos, alta velocidade e workaholics são palavras deste nosso tempo. Estamos todos apostando corrida pra ver que chega mais rápido. Onde mesmo?   Internet mais rápida, TV que responde comandos em milésimos de segundos, prazos curtos e atenção constante parecem ter deixado mais lento o tempo do relógio. O coitado do calendário então? Foi promovido a "cronograma" e se transformou em instrumento de tortura, gerando angústia e incerteza em muitos de nós.   …
10
Nov

Sempre devendo...

Quando altas expectativas e dívidas morais aprisionam o coraçãoUm mês sem escrever no blog e o peso da dívida me atormenta...Dia após dia, um sussurro discreto passava por meus ouvidos: “quando é que você vai escrever?” E eu dizia: “mas eu não tenho compromisso de escrever o tempo todo, já disse isso para os que freqüentam aquele espaço”...Não bastou. Mesmo depois de tantos anos de terapia aquele maldito guarda de…
28
Abr

Para o alto e avante! Uma triste vida linear...

Uma das grandes falácias da vida humana... No estudo da Lógica, falácia é (trocando em miúdos) uma coisa que parece verdade mas, no fundo, não é. Aprendemos, desde pequenos, uma verdade sobre o sucesso. Uma vida bem-sucedida é aquela que se apresenta retilínea e progressiva, ou seja, sempre subindo, sempre crescendo. Melhor ainda se for em progressão geométrica. Bem sucedido mesmo é aquele que consegue subir a escada da vida…
04
Nov

Papai Noel não tem culpa de nada...

  Já faz tempo...Todos os anos, nesta época, um fenômeno repetitivo me salta aos olhos. Chamo hoje de "Síndrome do Susto do Papai Noel". Entre outubro e começo de novembro as lojas e casas começam a enfeitar suas vitrines e fachadas para a chegada do bom velhinho. E com isso vem o susto. Por todo canto começo a ouvir vozes sussurrando coisas como: "meu Deus, já é Natal!", "nem vi o…