16
Nov

Notas sobre o meu sabático (3) - Batendo as asas!

Eu apenas queria que você soubesse Que aquela alegria ainda está comigo E que a minha ternura não ficou na estrada Não ficou no tempo presa na poeira Eu apenas queria que você soubesse Que esta menina hoje é uma mulher E que esta mulher é uma menina Que colheu seu fruto flor do seu carinho Eu apenas queria dizer a todo mundo que me gosta Que hoje eu me…
16
Jul

Notas sobre o meu sabático - A entrada no casulo (2)

Quando a lagarta entende que o tempo de viver por aí pondo pra dentro tudo o que acha pela frente e em grandes quantidades, ela descobre que chegou a hora de escolher entrar no casulo. E assim como quando a gente entra para um retiro, a lagarta saber que é preciso deixar pra trás toda a tralha que não serve mais para que possa ficar só com aquilo que realmente é necessário…
14
Jul

Notas sobre o meu sabático - A difícil arte de parar (1)

Sabático vem de uma prática muito antiga de deixar a terra descansar por um tempo depois de um ciclo de fertilidade. Serve para que ela retome sua potência geradora de vida, se reequilibre, se apazigue. O que vale para a terra, vale para os Homens. Como disse no post anterior, chega um dia que parar é a única coisa digna e saudável a se fazer.Fiz esta opção. Não de "dar um tempo com propósitos…
14
Jul

A vida gritava dentro de mim!

Chega um dia que a vida que pulsa dentro de nós simplesmente grita: chega!Deste ponto em diante não é mais possível seguir vivendo como se nada tivesse sido ouvido. O grito ecoa, e incomoda. Há quem cante por aí que a vida moderna é isso mesmo. Correr...correr...correr. Brinco que hoje em dia é chique dizer: "estou aí, na correria..." Quando ouço isso, ouço também algumas vozes invisíveis que me dizem:…