23
Abr

O desafio de Educar para o Comportamento Seguro no Trabalho

Meus queridos companheiros de letras e inspirações,É com muita satisfação que informo que a Segunda Edição Revista do meu livro "Comportamento Seguro" acaba de "sair do forno" e já está disponível nas livrarias. Este livro é um "filho querido" que surgiu em 2006 e rapidamente se esgotou, mostrando o tamanho da lacuna de produções deste tipo no Brasil. Agora ele está de volta, novo em folha!Vocês que me acompanham aqui…
11
Abr

A Dança da Raiva

Sobe um calor que toma a face, o coração se acelera a mil, a respiração fica ofegante e o corpo entra numa agitação impossível de conter. O estômago aperta e a única vontade genuína que se apresenta é a de gritar! ARGHHHH!Não, não estamos falando de um momento de paixão à primeira vista. Tampouco relatando o momento exato no qual uma pessoa acaba de descobrir que ganhou na loteria. Trata-se…
29
Out

Nem tanto o Céu, Nem tanto a Terra

Horizonte. Ponto onde o Céu beija a Terra. Sem fim e sem começo.Zona de intersecção na qual o celeste vai se tornando gradualmente terráqueo e o terráqueo se sutiliza e se expande para a não-forma do ar.Contemplar o horizonte me ensina sobre a busca sistêmica da Integração das Dualidades. Nossa mente tristemente treinada no cartesianismo teima em dizer: É isso OU aquilo! É Ceu OU Terra, não dá pra ser…
29
Nov

Construindo meu Próprio Caminho

Para aqueles que assistiram à minha palestra "Construindo meu Próprio Caminho" no HUB Curitiba, em 28/11, e também para quem se interessa pelo tema e quer refletir um pouco a respeito, reúno abaixo um pequeno cardápio de opções.  Sirva-se à vontade, na medida daquilo que te toca, te chama, te faz algum sentido...afinal, é sobre o SENTIDO da vida e das escolhas que se trata tudo o que vem abaixo!Mito…
24
Mai

Morri!

“No elevador do filho de Deus" De Elisa Lucinda   A gente tem que morrer tantas vezes durante a vida Que eu já tô ficando craque em ressurreição. Bobeou eu tô morrendo Na minha extrema pulsão Na minha extrema-unção Na minha extrema menção de acordar viva todo dia   Há dores que sinceramente eu não resolvo sinceramente sucumbo Há nós que não dissolvo e me torno moribundo de doer daquele…